Crise existencial: como lidar com ela?

Desânimo para as atividades diárias, falta de interesse por coisas das quais gostava antes e tristeza sem motivo aparente. Esses são alguns dos sinais de pessoas que passam por uma crise existencial. Isso acontece em várias fases da vida e não faz distinção entre gênero, etnia ou classe social.

Esse momento conturbado é caracterizado pela falta de respostas para questionamentos sobre o significado da vida. É algo extremamente angustiante — mas, por outro lado, pode ser bastante produtivo para encontrar novos e promissores caminhos!

Você se identificou com a situação descrita? Então, veja algumas maneiras de se livrar de uma crise existencial:

Descubra a origem do problema

Muitas vezes, a crise existencial é tão profunda que chega a ser difícil entender como ela surgiu. Para saber disso, pare um pouco suas atividades e dedique um tempo para pensar.

Tente identificar quais são seus apegos emocionais e reflita sobre os últimos acontecimentos da sua vida, tanto no âmbito profissional quanto pessoal. Assim, você terá mais condições de saber o motivo de tanto sofrimento e encontrar maneiras de enfrentá-lo.

Reflita sobre o sentido da sua vida

É comum a gente se preocupar com coisas que, de certa maneira, não nos dizem respeito. Deixamos nos levar pelos pequenos obstáculos, somos prepotentes e, com isso, vem a crise existencial.

É preciso refletir sobre o sentido da sua vida. Pense no seu papel dentro de casa, na sociedade e no mundo. Lembre-se que há muitas oportunidades e é necessário deixar para trás comportamentos mesquinhos para entender o porquê da sua existência.

Tente mudar seus hábitos

A vida diária é corrida: precisamos dar conta do trabalho, dos estudos, cuidar da casa e passar tempo com as pessoas queridas. Muitas vezes, essas situações fazem a gente agir no automático, favorecendo o esquecimento da importância da nossa existência.

Nesse sentido, é importante começar a reformular as regras que nos são impostas ou que, muitas vezes, colocamos sobre nós mesmos. Tentar mudar essas normas pode ser extremamente libertador! Tire projetos pessoais do papel, mude de emprego, cidade ou desfaça relacionamentos que já não agregam mais.

Experimente viver uma vida diferente!

Entenda que você não é o único a passar por uma crise existencial

O planeta tem quase 8 bilhões de pessoas e é impossível que nenhuma outra passe por uma crise existencial nesse momento, concorda? Reconheça isso. Você não está só nesse momento angustiante da sua trajetória!

Adolescentes, jovens empreendedores, adultos de meia-idade… Todos podem passar por um vazio existencial em alguma etapa da vida. A boa notícia é que esses instantes são extremamente produtivos, pois o sujeito sai da crise mais fortalecido e criativo.

Essas foram algumas dicas para se livrar de uma crise existencial. Muitas vezes, enfrentar esse problema sozinho pode ser mais complicado e levar mais tempo. Nesse caso, considere solicitar a ajuda de um coach. Esse tipo de profissional ajuda a identificar os reais problemas e buscar soluções.

Gostou dessas informações? Então ajude seus amigos na superação da crise existencial! Compartilhe esse texto nas suas redes sociais.

Coach Luiz Porto

Coach Luiz Porto Autor

Graduado em Administração de Empresas, Pós Graduado em Gestão de Pessoas e Mestre em Comportamento Humano. Formado como Coach na SLAC (Sociedade Latino Americana de Coaching). Atua em Coaching e Gestão de Pessoas há mais de 10 anos e tem passagens por diversas empresas nacionais e multinacionais.

Deixe uma resposta